Queima das Fitas em Portugal com Consciência Ecológica

Todos os artigos>Queima das Fitas em Portugal com Consciência Ecológica

Queima das Fitas em Portugal com Consciência Ecológica

Queima das Fitas em Portugal com Consciência Ecológica

Alinhados com a tendência global sobre as questões ambientais e o seu impacto, a Universidade do Porto e de Coimbra modificam tradições em prol de um mundo mais sustentável.

Coimbra, implementa duas grandes mudanças de consciência ambiental e ética:

A abolição da "Garraiada", corrida tradicional com touros, que foi abolida após referendo, com uma adesão superior a 70%, corrida esta que já em 2016 foi abolida na Universidade do Porto.

Este ano Coimbra, mostra que a consciência ecológica é mais do que uma moda, é uma mudança de paradigma adotada pela universidade mais tradicional do país.

Em matéria semelhante sobre o impacto do consumo, toma força uma mudança na forma como os alunos consomem as bebidas nos dias dos eventos.

O uso de copos plásticos foi deixado de lado!

Em ambas universidades foi adotado o uso ecologicamente responsável do plástico chamado "uso único", que após a primeira utilização é imediatamente descartado, sobre tudo em espetáculos, criando uma grande quantidade de lixo ao fim do evento.

Esta questão tem tomado força em todos os setores, empresas como Starbucks, rede de cafés americana estima que são entregues aos seus clientes aproximadamente 4 Bilhões de copos de uso único por ano.

A Starbuks, está a ampliar na sua sua rede os incentivos aos para a utilização dos copos reutilizáveis para reduzir o impacto global.

As festas, tanto do Porto (link) como em Coimbra (link) utilizaram a modalidade de empréstimo ou compra do copo reutilizável, onde os estudantes pagam uma taxa de caução e utilizam o copo durante a festa, podendo então receber o valor de volta, ou adquirir o copo.

O copo utilizado é o mesmo durante todo o evento. Além de uma recordação, pois os copos são personalizados com o tema do evento, o impacto ambiental é reduzido drasticamente. Estima-se que em Portugal sejam consumidos cerca de 100 milhões de copos descartáveis, muito destes copos não são devidamente tratados em centros de reciclagem.

A taxa de tratamento de resíduos portuguesa é de aproximadamente 29%, valor a baixo da média europeia.

A Copopalhinhas conta com o Eco Copo para oferecer ao mercado uma solução ambientalmente responsável. Para os organizadores dos eventos, além de promoverem a consciencialização do cuidado com o meio ambiente, há também vantagens económicas, pois reduz também o tratamento dos resíduos. Um exemplo foi o festival "Primavera Sound" no Porto, que em 2016 retirou 300 mil copos com o uso de copos ecológicos (http://expresso.sapo.pt/dossies/diario/2017-06-16-Como-um-festival-retirou-300-mil-copos-do-chao#gs.xefXQBA) Saiba mais em nosso site (www.ecocopo.pt) as modalidades e possibilidades de personalização dos copos com a sua marca ou do evento.

Consciente também da atual discussão sobre a redução de plástico de uso único, a Copopalhinhas traz para o mercado Português a sua linha de Bio Degradáveis. De Louças a Palhinhas, feitas de materiais que se degradam sem poluir o meio ambiente. Em breve novidades no Blog.